Saiba mais sobre os alimentos industrializados

Saiba mais sobre os alimentos industrializados

Ao falarmos sobre alimentação saudável, sempre trazemos a necessidade da preferência pelos alimentos orgânicos ser uma das melhores escolhas para cuidar do bem-estar físico e mental. Mas, afinal, o que há de tão ruim nos alimentos industrializados? Por que são diferentes e menos saudáveis do que os alimentos orgânicos?
Ao observar as informações no rótulo de um alimento industrializado, é possível encontrar o nome de ingredientes que, normalmente, não utilizamos na cozinha. Alguns destes são os emulsificantes e realçadores de sabor, por exemplo.
Alguns dos componentes destes alimentos prejudicam os mecanismos do organismo que administram a sensação de saciedade. Além disto, seus tamanhos costumam ser exagerados. A consequência principal destes fatores é o consumo excessivo de comida, o que contribui para a obesidade.
Os alimentos industrializados, ainda pelo seu sabor extremo (formado quimicamente) podem estimular dependência. Durante o processo de industrialização, o alimento (anteriormente em sua forma natural) costuma receber sal e açúcar excessivamente, afetando suas características nutricionais de forma prejudicial.
Alguns dos processos de industrialização, são: recebimento de enzimas e aditivos, hidrogenação, hidrólise, pressão, defumação, secagem, refino e moagem.
O segredo para manter a saúde em equilíbrio é consumir, de forma majoritária, os alimentos in natura, preferir refeições cujo preparo seja feito ou conhecido por você. Deixe os alimentos ultra processados fora de seus hábitos ou consuma-os em pequena quantidade.


Publicado em Alimentação | em 09 de Maio de 2022

Compartilhe


Deixe o seu comentário



Posts recomendados



Calcule seu IMC


Arquivos


Curta o VIVA ASSIM




SIGA O BLOG VIVA ASSIM

Receba os melhores conteúdos e novidades

ASSIM SAÚDE